A quase-soltura de Lula

1. A ordem de soltura foi absurda. A decisão da prisão foi unânime, os tribunais superiores tiveram várias oportunidades de revertê-la, e não houve nenhum fato novo, ou ameaça a direito nenhum, desde então. Há quem diga que é também ilegal. Favreto seria moleque se não fosse irresponsável, e seria irresponsável se não fosse mal intencionado.

2. A entrada do pedido de habeas corpus foi perfeitamente cronometrada para pegar Favreto — que foi filiado ao PT por 20 anos e tem uma óbvia ligação com o partido, que o nomeou a vários cargos — no plantão. É virtualmente impossível acreditar que essa decisão não tenha sido mal intencionada. Minha opinião pessoal é a pior possível, tanto em relação a Favreto quando em relação à defesa de Lula (espero que Sepúlveda Pertence esteja, a esta altura, a quilômetros de distância dela).

3. Apesar disso tudo, não cabe à polícia interpretar a lei. Cabe cumprir a decisão judicial.

4. Por mais absurda ou ilegal que seja a decisão de Favreto, é uma decisão da segunda instância, e Moro é um juiz de primeira instância. Mandar despacho para a polícia recomendando desrespeitar ordem de juiz que lhe é superior, no entanto, me parece um equívoco. Que, aliás, alimenta a tese do PT de que ele não é neutro e faz parte de uma (fictícia e absurda) “conspiração” contra Lula.

5. A ordem de Gebran mantendo a prisão é perfeita, e deveria ser final.

6. A insistência de Favreto, contra Gebran, em soltar Lula é o absurdo do absurdo. Qualquer dúvida sobre suas más intenções que pudesse haver, desapareceu.

7. O presidente do TRF4, Thompson Flores, finalmente botou Favreto em seu lugar e resolveu o assunto. O assunto não é para plantonista, quem manda é Gebran.

8. Todo esse episódio é lamentável. Pelo tapetão de tentar tirar Lula da cadeia de maneira insidiosa, e pelo bate-cabeça do Judiciário. E cumpre lembrar que a fonte desse e de muitos outros impasses e confusões é o Supremo Tribunal Federal, que dá os exemplos que dão margem a esse tipo de baderna.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s